Furlan se diz otimista com relações comerciais entre Brasil e Espanha

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 16 de julho de 2003 as 09:47, por: cdb

O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Luiz Fernando Furlan, disse nesta quarta-feira, em Madri, que volta para o Brasil com um saldo positivo, já que no encontro que teve com os empresários espanhóis foram abertos canais, no sentido de estimular investimentos no Brasil e também de criar oportunidades para as empresas brasileiras venderem os seus produtos na Espanha e Portugal.

– Nossa equipe já está com a pauta de trabalho, que será desenvolvida quando chegarmos ao Brasil – adiantou o ministro.

A perspectiva desses canais de distribuição de produtos brasileiros, segundo o ministro Furlan, é estimulada pelo incentivo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que empresas brasileiras individualmente, ou em parceria, ou consórcio, promovam investimentos na península Ibérica, com o objetivo de assegurar o caminho dos produtos brasileiros ao mercado dos consumidores europeus.

– Acho que o BNDES já tem linhas para as empresas brasileiras que queiram investir no exterior, agregando valor a esses produtos – disse Furlan.

– Existe uma preferência pelos produtos de consumo e materiais de construção, revestimentos, piso, granizo, mármore e também na área de produtos alimentares e de auto-peças, com objetivo de uma maior integração com a comunidade européia” completou o ministro, sobre os setores que as empresas brasileiras têm interesse em colocar seus produtos para fora do país.