Furacão Ignacio provoca chuvas no México

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 27 de agosto de 2003 as 02:17, por: cdb

O furacão Ignacio, que passou este final de semana pelo oeste do México, se dissipou na última terça-feira causando fortes chuvas em diversas regiões do país, informou o Serviço Meteorológico mexicano.
 
– O fenômeno está se dissipando no Oceano Pacífico, está na última etapa – disse o meteorologista Jaime Albarrán, do SMN, destacando que Ignacio causou nebulosidade e fortes chuvas nos estados da Baixa Califórnia Norte, Baixa Califórnia Sul, Sinaloa e Sonora.
 
Por sua vez, o secretário mexicano de Governo, Santiago Creel, disse à imprensa que Ignacio começou a diminuir e que o Serviço de Proteção Civil visitou esta terça-feira várias regiões afetadas pelo furacão. Segundo ele, não houve mortes, embora tenham sido registrados alguns danos materiais.

– Decretamos zona de emergência em diversos municípios afetados pelo Ignacio não vamos baixar a guarda porque as chuvas continuam – disse Creel.

Ignacio tocou a terra no início da madrugada da última segunda-feira, na península da Baixa Califórnia (oeste do México), e se transformou em tempestade tropical, explicou o meteorologista Marco Lugo, do SMN.

Depois que o furacão perdeu força, o Serviço de Proteção Civil reduziu o alerta de grave para moderado, mas quatro municípios continuam em estado de emergência.

Cinco mil pessoas foram obrigadas a deixar suas casas no litoral do México, onde os ventos derrubaram casas e provocaram rachaduras na estrada que liga La Paz – a capital da Baixa Califórnia Sul- à cidade de Los Cabos.

As autoridades mexicanas também restringiram a navegação no Golfo da Califórnia devido aos fortes ventos e às ondas superiores a quatro metros.