Fundação Wall Ferraz transforma vidas na zona rural através de qualificação profissional

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 19 de abril de 2012 as 11:02, por: cdb

Educação profissional através de cursos profissionalizantes gera desenvolvimento social e produtividade para uma comunidade. A Prefeitura de Teresina, através da Fundação Wall Ferraz, exercita essa ideologia e capacita mulheres no Curso de Corte e Costura em Tecido, no Centro de Capacitação Leonel Brizola, situado na zona Rural de Teresina.

Com carga horária de 120h, dentre aulas práticas e teóricas, o curso possibilita que as alunas adquiram conhecimento para tornarem-se profissionais em uma das áreas que mais emprega atualmente no país. Alcançar de fato aquelas mulheres que não possuem condições de custear um curso privado é um objetivo que a Fundação Wall Ferraz preocupa-se em desempenhar.

Realizar sonhos através de qualificação profissional torna a Fundação Wall Ferraz uma entidade humanista e transformadora. “Há muito tempo eu sonhava em fazer esse curso mas nunca tive condição de pagar e agora surgiu de graça essa chance aqui na comunidade. É o primeiro curso que faço na minha vida. Agora, posso ter a certeza que vou aprender e posso sonhar com meu próprio negócio. Graças a Deus e a Fundação Wall Ferraz estou tendo essa oportunidade” afirma a dona de casa Anália Soares, aluna do Curso de Corte e Costura em Tecido da Fundação Wall Ferraz.

Transformar uma comunidade através de educação profissional é gratificante para todos os envolvidos nesse processo. “Quando vejo alunas que começam o curso sem conhecimento e no decorrer das aulas aprendem as técnicas e terminam o curso confeccionando suas próprias peças é muito gratificante. Elas saem qualificadas podendo trabalhar em grandes empresas e mudar de vida”, garante Michelle Dias, instrutora do Curso de Corte e Costura em Tecido da Fundação Wall Ferraz.

Convém ressaltar que Michelle Dias é um exemplo de conquista, pois foi aluna da Fundação Wall Ferraz na área de corte e costura, em seguida tornou-se instrutora habilitada para ministrar aulas. Hoje, é empreendedora e possui seu próprio atelier, o que demonstra que a Fundação Wall Ferraz é uma entidade que projeta vidas ao crescimento profissional. “Nesse curso, pretendo passar um grande conhecimento para as alunas e desejo que um dia elas consigam chegar onde eu cheguei”, acrescenta Michelle Dias.

Maria do Rosário, aluna do curso de Corte e Costura, considera que essa iniciativa da Fundação Wall Ferraz abre portas para novas experiências. “Esse curso chegou em ótima hora e veio melhorar nossa realidade. Espero aprender muito e poder futuramente trabalhar nessa área na minha própria casa. Estou gostando da experiência e tenho certeza que vai me garantir uma renda boa todo mês”, acentua a aluna que deseja montar seu próprio negócio.