Funcionários dos Correios têm audiência de conciliação no TST

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 24 de setembro de 2009 as 10:29, por: cdb

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) realiza, nesta quinta-feira, audiência de conciliação entre os Correios e os funcionários que entraram em greve no último dia 16. A empresa alega que os grevistas não estão cumprindo a determinação para que seja mantido o mínimo de 30% do efetivo nas unidades durante o período de greve e passou a informar às procuradorias regionais do Trabalho o descumprimento da ordem judicial para que seja aplicada multa de R$ 50 mil por dia, por unidade, aos sindicatos.

O volume de carga com atraso é de 392 mil encomendas e de 46,7 milhões de correspondências.

A proposta dos Correios prevê, além de reajuste salarial de 9%, retroativo a agosto deste ano, mais R$ 100 de aumento linear a partir de janeiro de 2010 e reajuste dos valores dos benefícios (vale-alimentação, vale-cesta, auxílio-creche). Os sindicatos reivindicam reajuste de 41,03%, aumento real de R$ 300 sobre os valores já reajustados e gatilho salarial toda vez que a inflação atingir 3%.