Fogos de artifício do Ano Novo matam 15 nas Filipinas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 31 de dezembro de 2003 as 15:03, por: cdb

Pelo menos 15 pessoas morreram nas Filipinas em um incêndio causado por um rojão.

De acordo com os primeiros relatos, o fogo começou quando um rojão foi aceso por acidente.
Fogos de artifício são usados nas Filipinas para dar boas vindas ao Ano Novo e espantar maus espíritos.

O fogo se espalhou por prédios perto do mercado em Lucena City, ao sul de Manila (capital), e deixou pelo menos 22 pessoas feridas.

O governo filipino vem tentando limitar o uso de fogos de artifício potentes nas comemorações.

O incêndio foi o mais sério incidente noticiado no momento em que a polícia e os serviços de emergência se preparavam para os festejos e a violência do período de Ano Novo.

Segundo a polícia, pelo menos 155 pessoas receberam tratamento por acidentes envolvendo fogos de artifício.

Outra tradição de Ano Novo no país é disparar tiros de revólver em direção ao céu, devido a uma crença de que barulhos altos combatem o azar e os espíritos malevolentes durante o ano que chega.

A polícia foi instruída a não disparar suas armas e alguns policiais tiveram seus revólveres bloqueados.