Flu, reforçado, enfrenta o Goiás

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 14 de junho de 2003 as 00:05, por: cdb

Não poderia haver melhores motivos para o torcedor do Fluminense ir ao Maracanã, neste sábado, às 16h. Romário volta a vestir a camisa do Tricolor depois de mais de três meses no Catar e, além disso, a partida é contra o combalido Goiás, lanterna do Campeonato Brasileiro.

A ansiedade do Baixinho é visível. Desde que chegou ao Brasil, na última segunda-feira, Romário não esconde o desejo de voltar ao maior estádio do mundo e reencontrar a torcida, a quem rasgou elogios. E mesmo aos 37 anos, confessa ainda sentir algo diferente num momento como esse.

Mas Renato Gaúcho luta para conter a empolgação que vem contagiando a torcida. O treinador reconhece a má fase do Goiás, mas se recusa a acreditar que o adversário possa ser considerado presa fácil e lembra que muitas vezes uma equipe em crise, buscando a recuperação, é mais difícil de ser derrotada.

“Conheço bem o Goiás, que tem bons jogadores, e estou surpreso com a sua colocação na tabela. Mas não foi à toa que ficou entre os quatro primeiros da Copa do Brasil. Acredito que alguma hora a má fase vai acabar, mas só espero que não seja contra o Fluminense”, disse o treinador.

Renato será obrigado a fazer algumas modificações em relação à equipe que perdeu por 2 x 1 para o Vitória, na última rodada. O zagueiro Rodolfo e o volante Marciel cumprem suspensão pelo terceiro cartão amarelo e serão substituídos por Augusto e Djair, respectivamente. Já a dupla de ataque será formada por Romário e Sorato, com Carlos Alberto voltando ao meio-campo no lugar de Alex Oliveira.

Enquanto no Tricolor o clima é de otimismo, o Goiás chega ao Rio envolvido numa grande crise. Alguns jogadores, como o lateral-direito Michel e o meia Caíco foram dispensados e durante os treinos da semana o grupo foi hostilizado pelos torcedores. Para segurar o ataque do Fluminense, o técnico Cuca formou a equipe com três zagueiros. A novidade será a estréia de Gil Baiano, que teve uma passagem pelo Brasiliense e estava no Caxias.

FLUMINENSE x GOIÁS

Data: 14/6/2003 (sábado)
Local: estádio do Maracanã
Horário: 16 horas
Juiz: Wallace Nascimento Valente (ES)
TV: PPV, ao vivo
Ingressos: Arquibancadas verde e amarela a R$ 10; arquibancadas brancas a R$ 15; cadeira comum a R$ 5; cadeira especial a R$ 50 e geral a R$ 3, na rede de lojas Só Tricolor e nas bilheterias do estádio.

Fluminense
Kléber, Jancarlos, Zé Carlos, Augusto e Jadílson; Marcão, Djair, Zada e Carlos Alberto; Sorato e Romário
Técnico: Renato Gaúcho

Goiás
Gilmar, Fabão, Renato e João Paulo; Gustavo, Josué, Marabá, Gil Baiano e Marcinho; Dimba e Araújo
Técnico: Cuca