Fla: vitória sofrida em Salvador

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 6 de abril de 2003 as 18:14, por: cdb

Apesar da incrível falha do goleiro Júlio César, que fez gol contra, o Flamengo conseguiu vencer o Bahia, por 2 x 1 na tarde deste domingo, graças a um gol de Fernando Baiano, que entrou no segundo tempo, salvou o time e, de quebra, acabou com um jejum de oito jogos sem marcar.

O Bahia começou mais organizado, tocando melhor a bola no meio-campo. Mas foi o rubro-negro que criou a primeira oportunidade de gol, aos 8 min, num chute forte de Felipe, de fora da área que o goleiro Márcio espalmou para fora. Apenas dois minutos depois, Athirson tabelou com Andrezinho e acabou sofreu pênalti de Marcelo Souza, que Felipe converteu, aos 12 min.

O Flamengo continuou trocando passes com facilidade, o que acabou obrigando os donos da casa a cometer muitas faltas. O time carioca só conseguiu criar outra oportunidade de gol aos 38min, quando Fábio Baiano cruzou da direita, mas Zé Carlos se atrapalhou na hora de dominar a bola.

Um minuto depois, Athirson foi ao fundo cruzou na medida para Andrezinho cabecear, mas a bola passou rente à trave esquerda de Márcio. Aos 42 min, foi vez do Bahia perder boa chance de marcar. Preto cobrou falta da direita, a bola quicou na frente de Júlio César, que acabou fazendo uma defesa milagrosa.

O Flamengo voltou para o segundo tempo com ainda mais disposição. Aos 8 min, Athirson puxou o contra-ataque e rolou no meio para Jean, que acabou acertando o travessão. Mas o Bahia também melhorou e começou a pressionar a zaga adversária. Aos 15 min, Jair soltou uma bomba de fora da área, que Júlio César espalmou para o lado.

Aos 28 min, aconteceu o lance mais bisonho da partida, que resultou no gol de empate. Ao cobrar o tiro de meta, Júlio César acertou a nuca do companheiro Fabinho com a bola, que voltou para dentro do gol do Flamengo. O volante rubro-negro ficou caído e os jogadores do Bahia correram para comemorar.

BAHIA 1 x 2 FLAMENGO

Bahia
Márcio, Guto, Marcelo Souza, Valdomiro e Lino; Adriano (Luiz Alberto), Otacílio (Nílson), Jair e Preto; Cláudio e Paulo Sérgio (Marcelo Nicácio)
Técnico: Bobô

Flamengo
Júlio César, Fábio Baiano, Fernando, André Bahia e Athirson; Fabinho, André Gomes, Andrezinho e Felipe; Jean (Felipe Melo) e Zé Carlos (Fernando Baiano)
Técnico: Nelsinho Baptista

Data: 6/3/2001 (domingo)
Local: Fonte Nova, em Salvador
Juiz: Sálvio Spíndola Fagundes Filho (SP)
Cartões amarelos: Marcelo Souza, Cláudio, Otacílio (Bahia); Zé Carlos, Fábio Baiano, Athirson (Flamengo)
Gols: Felipe, aos 12 min do primeiro tempo, e Fabinho (contra), aos 28 min, e Fernando Baiano, aos 43 min do segundo tempo