Fipe diz que BC pode reduzir juros com queda da inflação

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 7 de maio de 2003 as 15:36, por: cdb

A queda da inflação na cidade de São Paulo para um patamar abaixo de 0,5% abre caminho para que o Banco Central possa reduzir os juros.

Segundo o coordenador da Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), Heron do Carmo, a partir de setembro, a inflação acumulada em 12 meses começará a cair, o que elevaria os juros reais (descontando a inflação).

Hoje, a Selic (juros básicos da economia) está em 26,5% ao ano e a inflação em 12 meses medida pelo IPC, em 14,45%. Depois de agosto, essa taxa deve cair cerca de 1 ponto percentual ao mês devido à diferença entre as taxas deste ano e as de 2002, que ficaram acima de 1% na época das eleições.

Segundo Heron, o BC poderá esperar até lá para fazer reduções maiores da taxa Selic, ou começar a reduzir os juros com “conta-gotas” a partir deste mês.

A Fipe também prevê que as taxas de juros em 12 meses devem se encontrar com as metas do BC (8,5%) no primeiro trimestre de 2004, quando os meses que foram contaminados pela alta do dólar e das turbulências eleitorais forem expurgados do índice.