Filmagens de épico no Marrocos são canceladas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 23 de maio de 2003 as 19:23, por: cdb

O produtor Dino De Laurentiis disse que não vai usar mais locações no Marrocos para o filme sobre Alexandre, o Grande, por causa de temores de ataques terroristas.

O filme Alexander The Great será estrelado por Leonardo DiCaprio e dirigido por Baz Luhrmann. Os produtores abandonaram um estúdio especialmente construído para o longa na cidade de Ouarzate, a pouco mais de 480 quilômetros de Casablanca.

Uma série de ataques ocorreram em Casablanca no dia 16 de maio e deixaram 41 mortos.

– A não ser que a situação mude em cinco ou seis meses, qualquer ator americano pode se transformar em um alvo. E este é um risco que não vou assumir – disse De Laurentiis.

Austrália

As filmagens do longa, orçado em US$ 100 milhões (cerca de R$ 307 milhões), foram transferidas para a Austrália.

No mês passado o diretor Wolfgang Petersen cancelou seus planos de filmar parte do seu filme histórico Troy, estrelado por Brad Pitt, no Marrocos.

As locações foram transferidas para o México, Malta e Londres.

O Marrocos serviu de locação para grandes sucessos do cinema como Gladiador e Falcão Negro em Perigo.

Os produtores procuravam o país por causa do baixo custo, especialmente para contratar figurantes para grandes cenas de batalha.