Fifa pode punir Manchester United e Rio Ferdinand

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 21 de dezembro de 2003 as 15:28, por: cdb

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, ameaçou punir o Manchester United e o zagueiro Rio Ferdinand caso o clube ou o jogador recorram à Justiça comum. A informação foi divulgada neste domingo pela imprensa inglesa.

A Federação Inglesa de Futebol suspendeu o jogador por oito meses por ele ter se negado a participar de um exame antidoping há três meses. O defensor, que foi contratado por US$ 47 milhões junto ao Leeds United, também terá que pagar uma multa de 50 mil libras. A decisão entrará em vigor a partir do dia 12 de janeiro.

– Ouvi falar dessa ameaça de ir à Justiça comum. Isso é absolutamente proibido em nossas normas. Se eles tomarem essa iniciativa, as repercussões não terão precedentes – disse Blatter, em entrevista ao jornal The Observer.

– Eles não devem ir aos tribunais. Devem apresentar seu caso ao Tribunal de Arbitragem do Esporte (TAS), em Lausanne, ou pagarão as conseqüências. Estas são as regras da Fifa e eles aderiram às mesmas – completou Blatter.

O treinador do Manchester United, Alex Ferguson, acha que a decisão tomada pelos dirigentes do time e pelo jogador é a mais correta. “Rio tem o direito de recorrer aos tribunais para defender a sua reputação. E nesse caso, o clube irá apoiá-lo”.

Caso a pena não seja alterada, Ferdinand não poderá defender o Manchester até o final da temporada nem a seleção da Inglaterra na Eurocopa 2004, que será disputada em Portugal de 12 de junho a 4 de julho.