Fiesp defende que queda nos juros atinja custo dos empréstimos bancários

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 18 de abril de 2012 as 18:01, por: cdb

Daniel Mello
Repórter da Agência Brasil

São Paulo – Após a decisão do Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) de diminuir em 0,75 ponto percentual a taxa básica de juros (Selic), que ficou em 9% ao ano, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) divulgou nota defendendo que a redução atinja o custo dos empréstimos.

“O Banco Central vem baixando os juros há seis meses. Nesse contexto, os bancos devem baixar a taxa de juros para as pessoas físicas e jurídicas. É preciso estimular o crédito para sustentar o crescimento econômico e a geração de empregos no Brasil”, disse o presidente da entidade, Paulo Skaf, por meio de nota.

 

Edição: Aécio Amado