Explosão de bomba em Bagdá mata três civis e um soldado dos EUA

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 5 de dezembro de 2003 as 09:18, por: cdb

Um soldado americano e três civis iraquianos morreram nesta sexta-feira, na explosão de uma bomba durante a passagem de uma patrulha americana em Bagdá, informaram fontes policiais iraquianas.

O atentado, no qual pelo menos outros 15 iraquianos ficaram feridos, alguns gravemente, aconteceu em uma área chamado Novo Bagdá, perto da mesquita Al Samarae, acrescentaram.

As tropas americanas ainda não anunciaram o número de vítimas deixado pela explosão, registrada após três dias de relativa calma na capital iraquiana.

Segundo as fontes locais, a maioria dos feridos viajava em um microônibus quando o artefato, que tinha sido colocado em uma estrada do bairro, foi detonado.

As tropas dos Estados Unidos e os efetivos da polícia iraquiana são alvo de ataques quase diários da resistência, que também já mataram vários civis.

Ao todo, 189 militares americanos morreram em ações da resistência iraquiana desde 1º de maio, quando o presidente dos EUA, George W. Bush, anunciou o fim das principais operação bélicas no Iraque.