Exército argentino encontra montanhistas perdidos na Cordilheira dos Andes

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 1 de dezembro de 2003 as 01:33, por: cdb

O casal de montanhistas, que estava perdido na Cordilheira dos Andes desde a última semana, foi encontrado vivo no último domingo por tropas do Exército argentino. Eles serão resgatados nesta segunda-feira.

Susana Miatelo e Rodrigo Ramos foram encontrados em ‘uma zona desértica, a 5 mil metros de altitude, entre as colinas Muerto e Fraile, na base do Vulcão Rojo, a 15 quilômetros do posto Las Cortadetras e a 15 quilômetros do limite com o Chile’, informou a Força em um comunicado.

Os excursionistas foram achados nas imediações do Vulcão Ojo del Salado, na província de Catamarca, situada a 1.155 quilômetros de Buenos Aires, depois de uma intensa busca.

O Exército explicou que ‘dadas as características do terreno, os helicópteros não puderam aterrissar’, motivo pelo qual, foram lançados por meio de cordas uma barraca, casacos, víveres e água para que possam esperar até o resgate nesta segunda.

Susana e Rodrigo se perderam no vulcão Ojo del Salado, de 6.960 metros de altitude, com ventos de até 130 quilômetros por hora e temperaturas noturnas que chegam aos 25 graus negativos.

Participaram das operações de busca um grupo de resgate de alta montanha, um Posto de Gendarmaria, um avião Caça 212, além de dois helicópteros e efetivos de Infantaria.