Ex-combatentes venezuelanos se reúnem para apoiar Chávez

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 18 de abril de 2012 as 14:33, por: cdb

Autoridades venezuelanas instalaram nesta quarta-feira o Conselho Patriótico do setor dos combatentes, como parte de uma iniciativa que reúne diversos grupos para apoiar o processo social liderado pelo presidente Hugo Chávez.
De acordo com a Agência Venezuelana de Notícias, a nova associação, constituída em uma reunião no Museo Boliviano, reúne combatentes das décadas de 1960, 1970 e 1980 e contou em sua fundação com a presença da deputada Blanca Eekhout, coordenadora nacional do Grande Polo Patriótico.

Na terça-feira, o vice-presidente executivo do governo, Elías Jaua, participou na formação do Conselho Patriótico para o setor Camponês e de Pesca, no dia em que se comemorava o Dia Internacional das Lutas Camponesas.

Centenas de representantes dessas comunidades se reuniram no teatro Teresa Carreño, em Caracas, onde ratificaram a vontade de apoiar o projeto político impelido por Chávez desde sua chegada ao Palácio de Miraflores, em 1999.

Expressaram também sua decisão de garantir a continuidade destas transformações econômicas e sociais para além das eleições de 7 de outubro deste ano.

Segundo fontes oficiais, existem conselhos patrióticos setoriais que reúnem negros, mulheres, ecologistas, trabalhadores dos transportes, deficientes físicos e trabalhadores do setor de economia básica.

O Grande Polo Patriótico reuné coletivos, organizações e diversos grupos que procuram somar forças que garantam a continuidade do processo de transformações políticas, sociais e econômicas empreendidas pelo presidente há 13 anos.

Fonte: Prensa Latina

 

..