Europa tem interesse em aprofundar relações comerciais com o Brasil

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 28 de janeiro de 2003 as 15:32, por: cdb

O ministro das Relações Exteriores, embaixador Celso Amorim, admitiu há pouco que, mesmo com os subsídios agrícolas impostos ao Brasil pela França, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixa o país com um sentimento positivo de negociação para que as barreiras comerciais sejam reduzidas.

Segundo o chanceler, durante a reunião de Lula com o presidente Jacques Chirac não foram tomadas medidas práticas para a redução dos subsídios, mas a Europa tem interesse em aprofundar suas relações com o Brasil.

Sobre o fato de o presidente Chirac ter considerado como mais propaganda do que realidade as barreiras comercias impostas pela França aos países em desenvolvimento, o embaixador considerou que tanto a Europa quanto os Estados Unidos têm a tendência de culpar um ao outro na imposição de entraves ao livre comércio.

“Cada um define a sua política. Ninguém gosta de nomes negativos para definir as suas decisões”, enfatizou o embaixador.