EUA prendem chefe de arsenal biológicas do Iraque

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 5 de maio de 2003 as 22:51, por: cdb

Forças dos Estados Unidos prenderam Huda Saleh Ammash, uma das cientistas mais importantes do Iraque e especializada em armas biológicas.

Ela é uma das poucas mulheres que tinham acesso ao restrito círculo de poder do presidente deposto Saddam Hussein.

Huda é o número 53 na lista de 55 ex-autoridades iraquianas procuradas pelos americanos – ela é cinco de copas no baralho lançado pelos Estados Unidos para demonstrar a importância das suas capturas.

A cientista também ficou conhecida no Ocidente por ter aperecido em um vídeo divulgado durante a recente guerra no Iraque.

Vídeo

No vídeo, ela aparecia ao lado do presidente deposto Saddam Hussein, em uma mesa com outras autoridades iraquianas.

Huda é considerada pelos americanos uma figura-chave na reestruturação do programa de armas biológicas do Iraque depois da Guerra do Golfo (1991).

Oficialmente, ela era comandante regional do Partido Baath e cuidava do setor de jovens e de comércio do partido.

Huda teria sido presa em Bagdá, segundo autoridades americanas que não quiseram se identificar.