EUA analisam propostas de sistemas antimísseis em aviões comerciais

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 11 de novembro de 2003 as 19:11, por: cdb

O governo dos Estados Unidos está analisando propostas para se defenderem os aviões comerciais de ataques com mísseis portáteis, apesar de autoridades dizerem que pode levar anos até que o sistema seja implementado.

O Departamento de Segurança Interna dos EUA disse nesta terça-feira que planeja fechar contratos preliminares com uma ou duas empresas em dezembro, para um programa de seis meses de adaptação de tecnologias militares antimísseis para uso em aeronaves comerciais.

Entre as empresas interessadas nos contratos estão: Northrop Grumman, Raytheon, Elta Systems, Alliant Techsystems e BAE Systems.

O contrato inicial seria seguido de um período de 18 meses para desenvolvimento de protótipos, disse o porta-voz do departamento, Brian Roehrkasse, observando que a Segurança Interna reservou US$ 100 milhões para o processo de dois anos tendo em vista outras ameaças a linhas aéreas comerciais depois dos ataques de 11 de setembro de 2001.

Uma decisão futura em favor de equiparem-se os aviões com tecnologia antimísseis poderia gerar contratos gigantescos para a empresa que ganhar a licitação.