Estrutura da Defensoria Pública nos destaques da Rádio Justiça

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 29 de agosto de 2011 as 17:49, por: cdb

Justiça na Manhã trata da estrutura da Defensoria Pública Federal
A Defensoria Pública da União conta com menos de 500 profissionais. Uma estrutura enxuta se comparada com os 7 mil juízes trabalhistas e 8 mil advogados da União. Os defensores públicos revelam a necessidade de melhorar a estrutura e interiorizar o trabalho numa audiência pública no Senado nesta terça-feira. Conheça detalhes da proposta no programa Justiça na Manhã, nesta terça-feira (30) a partir das 8 horas.

CNJ no Ar detalha a queda no número de novos processos no Poder Judiciário
O Poder Judiciário recebeu 24,2 milhões de novos processos em 2010 – um milhão a menos do que em 2009. A queda de 3,9% no período foi verificada na Justiça estadual, federal e trabalhista. O dado faz parte da pesquisa Justiça em Números, elaborada pelo Departamento de Pesquisas Judiciárias do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), com base nas informações dos tribunais. É a primeira vez desde 2004 que cai o número de processos novos. Conheça detalhes da pesquisa no CNJ no Ar, nesta terça-feira (30) a partir das 10 horas.

Justiça na Tarde Entrevista destaca a delicada relação entre patrão e empregado doméstico
O Ministério Público do Rio de Janeiro denunciou uma empregada doméstica que torturou física e psicologicamente um bebê. O programa Justiça na Tarde Entrevista trata do delicado tema que envolve a relação trabalhista patrão e babá. Qual a responsabilidade penal quando um profissional doméstico maltrata uma criança dentro de casa? Justiça na Tarde Entrevista, nesta terça-feira (30), a partir das 17 horas.

Trabalho escravo é o tema da radionovela “Fora de Moda”
Sônia insiste em comprar roupas de uma rede de lojas acusada de utilizar mão-de-obra escrava. Mas com os puxões de orelha de Bete, ela parece ter parado. Só que Bete está desconfiada de que Esteban, o novo namorado de Sônia, seja, na verdade, um trabalhador escravo. Veja o desenrolar dessa história apresentada até sexta-feira, em diversos horários.

Rádio Justiça
Emissoras interessadas podem receber boletins diários produzidos pela Radioagência Justiça. Basta um cadastro no site. São jornais com as principais notícias do Judiciário transmitidos diariamente. A Rádio Justiça é sintonizada em 104,7 MHz, no Distrito Federal, pelo satélite ou pelo site www.radiojustica.jus.br. Siga a Rádio Justiça pelo Twitter no endereço http://twitter.com/radiojustica.

Fonte: Rádio Justiça