Estados Unidos e Canadá lançam projeto Netuno

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 21 de outubro de 2003 as 01:40, por: cdb

Estados Unidos e Canadá lançaram na última segunda-feira o projeto Netuno, que prevê a instalação de uma ampla rede submarina de fibra ótica para investigar fenômenos sísmicos.

– Trata-se do maior projeto deste gênero no mundo – disse Karen McDonald, diretora de comunicações do ministério de Estudos Superiores da província canadense de British Columbia.

– Será uma rede de 3 mil quilômetros de fibra ótica com sensores e câmeras instalada a partir da costa da British Columbia e até o Estado do Oregon – revelou.

O custo total do Netuno será de 198 milhões de dólares, financiados em 30% pelo Canadá e 70% pelos Estados Unidos, algo que ainda deverá ser aprovado pelo Congresso norte-americano.

O sistema pretende rodear completamente a placa tectônica Juan de Fuca, uma das maiores do planeta. Os pesquisadores esperam assim poder antecipar terremotos um minuto antes de sua ocorrência.

– Os danos mais importantes durante os terremotos são provocados pelo fogo. Uma antecipação de um minuto permitiria a redução dos riscos de incêndios por parte de distribuidores de gás e eletricidade – disse McDonald.

A longo prazo, o projeto também permitirá entender melhor os fenômenos sísmicos e obter dados sobre a plataforma marítima, as migrações de peixes e o aquecimento dos oceanos. A região da British Columbia e os Estados americanos de Washington e Oregon são uma zona de alto risco sísmico.