Esposa de Blair aborta e precisa de uma cirurgia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 7 de agosto de 2002 as 07:06, por: cdb

A advogada Cherie Blair, 47, mulher do primeiro-ministro britânico, Tony Blair, 49, foi submetida a uma cirurgia depois de ter sofrido um aborto, afirmou hoje o governo britânico. “A senhora Blair deu entrada no hospital de Chelsea e Westminster depois de ter abortado”, declarou uma porta-voz sobre o fim da gravidez não anunciada.
“Foi submetida a uma intervenção sob anestesia geral e saiu do hospital esta manhã”, disse. “O primeiro-ministro permaneceu ao seu lado no hospital”, afirmou a porta-voz, acrescentando que Cherie, mãe de quatro filhos, está se recuperando.

Devido ao incidente, o casal Blair adiou suas férias no sul da França, segundo a porta-voz. Mas três dos quatro filhos do casal chegaram com sua avó hoje de manhã ao aeroporto de Toulouse-Blagnac, vindos de Londres.