Escolas da Zona Rural e Ribeirinha serão Contempladas com o Programa de Ciências

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 13 de março de 2012 as 14:39, por: cdb

Os alunos do ensino fundamental das escolas municipais situadas nas zonas rural e ribeirinha da cidade iniciam o ano letivo com uma novidade tecnológica. A Prefeitura de Manaus adquiriu o Programa de Ensino Sistematizado das Ciências (PESC), o que vai tornar as aulas da disciplina mais interativas. Na manhã de hoje (13), no Teatro La Salle, foi feita a apresentação do Programa aos professores.

Ao todo, 135 escolas de ensino fundamental irão receber o PESC, sendo 78 da Divisão Regional de Educação (DRE) VII, que abrange as Zonas Rural e Ribeirinha. O restante está espalhado pelas demais regiões de Manaus.

O Programa é composto de mais de 500 itens entre unidades experimentais, como: modelos de anatomia, mapas digitais, jogos pedagógicos, fantoches e também kit tecnológico com microscópio, computador, projetor multimídia e a lousa digital. Todos os equipamentos são de fácil manuseio e mobilidade para que não haja dificuldade no uso em sala de aula.

Segundo o Gerente Pedagógico do PESC, Sérgio Cunha, a metodologia do Programa para o Ensino Fundamental é mesma da usada para a Educação Infantil, diferindo somente na profundidade dos conteúdos abordados.

“Com o passar das series o número de experimentos se amplia. Na Educação Infantil é trabalhado mais o lúdico e o aluno aprende brincando. No Ensino Fundamental o estudo é aprofundado e também vai para a prática”, disse.

Para o Secretário da Semed, Mauro Lippi, o PESC no Ensino Fundamental é uma extensão do que já era trabalhado na Educação Infantil.

“Essa extensão do PESC ao Ensino Fundamental é uma forma de nós transformarmos o que existia de material pedagógico em um processo de inovação e renovação de todo nosso arsenal pedagógico. Nós adotamos o sistema PESC e faremos a formação dos professores para que eles sejam bem utilizados na rede municipal de educação”, falou.

O objetivo do PESC é transformar as aulas em um momento prazeroso onde os alunos aprendem de forma interativa, tendo contato com materiais concretos que possibilitam atividades práticas, com aquilo que aprendem nos livros.

Educação infantil

Além dos alunos de Ensino Fundamental, cerca de 42 mil alunos da Educação Infantil estão sendo atendidos pelo PESC desde fevereiro. Para a Educação Infantil, o kit é composto de 120 itens e veio suprir os anseios dos professores com relação ao material didático.

“Na Educação Infantil existe a necessidade da participação das crianças durante as aulas para que haja o interesse no assunto. O PESC vai atuar justamente nesse sentido, ensinando as disciplinas ao mesmo tempo estimulando os experimentos. Eles vão aprender, por exemplo, sobre os ossos pegando no esqueleto” explicou a Chefe da Divisão de Educação Infantil da Semed, Deuza Fonseca.