Equador quer repetir história e vitórias sobre Chile e Venezuela

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 7 de outubro de 2004 as 19:51, por: cdb

A seleção de futebol do Equador quer repetir as vitórias sobre o Chile e a Venezuela de quatro anos atrás, durante as eliminatórias do Copa de 2002, e assim reeditar a campanha para o próximo torneio, que será disputado na Alemanha em 2006.

As declarações foram dadas nesta quinta-feira por Iván Hurtado, um dos jogadores que esteve nas últimas eliminatórias, ao se referir aos dois próximos jogos, nos quais o Equador enfrentará chilenos e venezuelanos.

Em entrevista coletiva, Hurtado lembrou que foram as vitórias sobre o Chile e a Venezuela nas eliminatórias anteriores que levaram o time à surpreendente campanha até a Copa do Japão e da Coréia do Sul.

– Desde que ganhamos do Chile, começamos a derrotar os grandes –  lembrou Hurtado. Ele enfatizou que o Equador entrará novamente em campo pelos três pontos.

O Equador jogará com o Chile no próximo domingo, no estádio “Atahualpa” de Quito. Quatro dias depois, enfrentará a Venezuela fora de casa.

– Tomara que a história se repita – reiterou Hurtado. Ele assegurou que o Equador jogará com o Chile para conseguir os três pontos, que o deixariam no quarto lugar da classificação, até agora ocupado pelos chilenos.

O zagueiro equatoriano, que joga no México, revelou que sua equipe se preparou para tentar romper a forte estrutura defensiva do Chile.

– Temos que ver como afetaremos o Chile – disse o capitão do Equador. Ele não ocultou a ansiedade dos colegas até a hora da partida.

O jogador reiterou que o Equador se preparou para marcar, recuperar a bola e atacar os chilenos, e afirmou que “o time joga como treina”.