EQUADOR APOIARÁ INGRESSO DA PALESTINA NA ONU, AFIRMA CORREA

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 22 de setembro de 2011 as 14:16, por: cdb

QUITO, 22 SET (ANSA) – O presidente do Equador, Rafael Correa, anunciou hoje que seu governo irá apoiar o pedido de ingresso da Autoridade Nacional Palestina (ANP) na Organização das Nações Unidas (ONU).
   
“Reconhecemos a reivindicação, a luta histórica do povo palestino e seu direito de participar das Nações Unidas”, afirmou Correa ao canal público equatoriano Ecuador TV. Segundo ele, seu país apoia esta medida com “muita determinação”.
   
O governo do Equador reconheceu o Estado palestino como “livre e independente com suas fronteiras desde 1967”, em dezembro do ano passado.
   
O mandatário viaja hoje a noite para Nova York para participar de eventos paralelos à 66° Assembleia Geral da ONU, onde não irá discursar por não considerar que isto seja eficaz.
   
Ele, no entanto, participará de uma conferência junto ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, ocasião em que irá promover a iniciativa Yasuní-ITT, que busca preservar cerca de 846 milhões de barris de petróleo do solo do Parque Nacional Yasuní, em troca de apoio financeiro internacional. (ANSA)