Encontrado um Michelangelo numa velha caixa de desenhos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 27 de julho de 2002 as 10:45, por: cdb

Num caso insuperável de “e o tesouro estava no sótão”, um diretor de museu da Escócia, que resolveu passar as férias vasculhando velhas caixas de desenhos de acessórios luminosos, no museu de desenho Cooper-Hewitt, achou o que vários especialistas concordam ser uma obra de Michelangelo.
Se for, a descoberta é uma das mais notáveis dos últimos anos. Mais surpreendente ainda por ter permanecido vários anos praticamente debaixo dos narizes dos especialistas, numa cidade como Nova Iorque, que se considera a capital mundial das artes.
O desenho, grande e rebuscado, em carvão sobre papel creme tem 43,3 centímetros de altura por 25,4 de largura, foi encontrado por Sir Timothy Clifford, diretor da National Gallery Of Scotland, de Edinburg.Mostra um elaborado candelabro, com um pedestal em duas partes de uma grandeza monumental, típica das obras de Michelangelo.
As autoridades dos dois lados do Atlântico. tem dito que a obra é certamente um Michelangelo. George Goldner, curador de desenhos do Metropólitan Museum of Art afirma: “A atribuição é absolutamente correta. Não é uns pequenos fragmento, nem sequer uma parte. É um desenho bom e importante que qualquer museu ficaria feliz em possuir, uma descoberta maravilhosa”.