Empresas do Itaim Paulista contratam profissionais formadas pelo São Paulo Costurando o Futuro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 26 de março de 2012 as 09:42, por: cdb

Empresas do Itaim Paulista contratam profissionais formadas pelo São Paulo Costurando o Futuro

Duas empresas com unidades na região do Itaim Paulista, Zona Leste, já estão aproveitando a mão de obra formada pelo projeto São Paulo Costurando o Futuro, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho.

Duas empresas com unidades na região do Itaim Paulista, Zona Leste, já estão aproveitando a mão de obra formada pelo projeto São Paulo Costurando o Futuro, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho (Semdet). “Estamos há três meses aqui na região com uma unidade de produção de blusas femininas, e ficamos muito felizes em saber que existe um projeto dessa natureza, formando profissionais competentes para o mercado, carente dessa mão de obra”, ressaltou a gerente de Recursos Humanos da empresa Le Mark Confecções, Eliana Benediht.

 

A gerente participou da cerimônia de certificação do Projeto que aconteceu na sede da Subprefeitura do Itaim Paulista e formou mais 120 costureiras. “Estava desempregada há dois anos então resolvi fazer o curso, pois talvez poderia ser uma nova oportunidade de carreira. E foi o que aconteceu. Nos últimos dias de aula, a professora me falou das vagas na Le Mark então fui até lá, fiz os testes e já estou contratada. Começo na próxima semana”, comemorava a dona de casa Joana Aparecida Moraes Vieira, de 38 anos, que mora na rua onde localiza-se a empresa.

 

A história de Joana é muito parecida com a de Hosana Souza Paixão, que terminou o curso do São Paulo Costurando o Futuro no meio do ano passado e foi contratada pela empresa Mash, onde atua como costureira há quase um ano. “O curso foi muito importante e decisivo para que eu conseguisse o emprego. Hoje sou uma profissional qualificada e melhor remunerada no mercado”, avalia.

 

“As parcerias que fizemos para a realização deste projeto são a chave de seu sucesso. Em abril vamos intensificar o contato com empresas da Zona Leste para que outras também contratem nossas costureiras”, destacou o secretário adjunto da Semdet, Luiz Antonio de Medeiros, ressaltando que a contratação é só um dos caminhos que podem ser trilhados pelas formandas. “Também as orientamos na abertura de suas próprias oficinas, que podem prestar serviços às centenas de confecções locais”, completa.

 

O São Paulo Costurando o Futuro é um projeto da Semdet em parceria com Senai; Sebrae-SP; Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP; Singer do Brasil, além das secretarias municipais de Educação e de Coordenação das Subprefeituras e visa qualificar 6.912 pessoas na área de costura na região Leste da capital.

 

Inauguração

 

O próximo bairro da região a ganhar mais uma oficina do projeto é Guaianases, cuja inauguração acontecerá nesta terça-feira, dia 27, às 15h, na sede do CEU Jambeiro, à Av. Flores do Jambeiro, s/nº, onde também acontecerão as aulas. Os cursos têm duração de quase dois meses, totalizando 160 horas divididas em quatro horas diárias, de segunda a sexta-feira.