Edison Lobão descarta racionamento de energia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 21 de janeiro de 2008 as 20:12, por: cdb

O novo ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, negou a possibilidade de racionamento de energia este ano. Durante a entrevista logo após a cerimônia de transmissão de cargo, nesta segunda-feira, em Brasília, disse que não haverá problemas de fornecimento de energia no país. Mas declarou, por outro lado, não ser “dono da verdade”.

— Nós não vamos ter racionamento. O que eu disse é que toda sugestão será examinada. Não vamos ter nenhum problema de fornecimento de energia neste ano. Toda sugestão que o povo brasileiro quiser mandar, examinaremos. Não sou dono da verdade, e nem o ministério é —, disse.

Em seguida, Lobão voltou a negar que haja divergências entre ele e a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff. E ressaltou, novamente, que o ministério não será “tutelado”, assim como já havia dito no discurso de posse.

— A todo instante, a imprensa disse que o Ministério de Minas e Energia será tutelado pela Dilma Rousseff. Os ministros são tutelados pelo presidente da República. A ministra-chefe da Csa Civil coordena o governo e vai nos ajudar muito, mas nada de subordinação —, disse. 

Lobão disse, ainda, que irá analisar a ocupação de cargos na Eletrobras já no fim desta semana.