Drogas custam US$ 15 bi por ano ao Brasil

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 21 de maio de 2003 as 10:19, por: cdb

O secretário nacional Anti-Drogas, Paulo Roberto Uchôa, revelou que, a cada dia, cerca de dois milhões de brasileiros consomem algum tipo de droga ilícita, e que o tráfico de drogas “lava” no Brasil cerca de US$ 15 bilhões por ano, quase 3% do nosso PIB. Em todo o mundo, a estimativa da ONU é de que a lavagem de dinheiro dos traficantes seja de aproximadamente US$ 500 bilhões ao ano.

O secretário apresentou esses números em audiência pública na Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara, requerida pelo deputado Adelor Vieira (PMDB-SC). Uchôa traçou um quadro das atividades desenvolvidas por sua secretaria, ligada ao Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República.

Para o secretário, a política nacional antidrogas é “uma das mais modernas do mundo”, porque prioriza a prevenção e reconhece as diferenças entre o usuário, o dependente químico e o traficante. Os resultados, segundo o secretário, estão começando a aparecer, e ainda não são expressivos porque a política é recente. O Brasil aderiu à declaração das Nações Unidas sobre o combate às drogas apenas em junho de 1998. No mesmo ano, foi criada a Secretaria Nacional Anti-Drogas, que, segundo Uchôa, representou o primeiro passo para a elaboração da política.