Dono da escuna que naufragou em Cabo Frio é encontrado

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 20 de abril de 2003 as 15:12, por: cdb

O dono e comandante da escuna Tona Galea, que naufragou no último sábado (19) no litoral de Cabo Frio matando pelo menos 12 pessoas, foi encontrado. Norberto Silveira, de 72 anos, está em estado de choque e recebe tratamento médico. Ele estava desaparecido desde o último sábado (19) de manhã, quando aconteceu o acidente.

A Defesa Civil continua procurando os três últimos desaparecidos, que são Oswaldo Meneguetti, Alexandre Boueri e Edson Celestino Silva – todos turistas.

As buscas neste momento se concentram na Ilha dos Porcos, a 10 quilômetros do local do acidente, já em Arraial do Cabo (RJ).

Testemunhas avisaram aos Bombeiros que viram um corpo boiando próximo à ilha, mas eles não o encontraram.

A escuna Tona Galea, que estava semi-submersa desde o acidente do último sábado (19), foi içada e agora está na posição natural.

A prefeitura de Cabo Frio assumiu as despesas com o traslado dos corpos. A maioria das vítimas era de São Paulo e de Minas Gerais.

Até agora, foram encontrados 12 corpos – 11 de mulheres e um de criança. Dezessete pessoas foram resgatadas com vida.

A embarcação, com capacidade para 80 pessoas, transportava 62 turistas e dois tripulantes.