Dilma diz na ONU que é preciso impor controles à guerra cambial

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 21 de setembro de 2011 as 08:55, por: cdb

Yara Aquino e Luciana Lima
Repórteres da Agência Brasil

Brasília – Ao iniciar o discurso da Assembleia Geral da Organização da Nações Unidas (ONU), abordando a crise econômica global, a presidenta Dilma Rousseff disse hoje (21) que é preciso impor controles à guerra cambial. “[É fundamental] aprofundar a regulamentação do sistema financeiro e controlar essa fonte inesgotável de instabilidade.

Dilma afirmou que há sinais de que várias economias avançadas se encontram no “limiar da recessão”. A avaliação de Dilma é que as prioridades das economia mundiais neste momento devem ser solucionar os problemas dos países em crise devido a dívidas e reverter o presente quadro de recessão.

“As políticas fiscais e monetárias devem ser objeto de avaliação mútua, de forma a impedir efeitos indesejáveis sobre os outros países evitando reações que levam a ciclos viciosos. A solução do problemas da dívida deve ser combinada com crescimento econômico”, disse.

Edição: Talita Cavalcante