Dilma anuncia R$ 700 mi para reconstruir região serrana do Rio

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 3 de junho de 2011 as 08:25, por: cdb
Dilma
Dilma viajou ao Rio para apoiar o Estado na reconstrução das áreas atingidas pelas chuvas

A presidenta Dilma Rousseff anunciou, nesta sexta-feira, em visita ao Rio, a realização de um conjunto de obras do Plano de Recuperação da Região Serrana do Estado, que teve, no início do ano, municípios devastados pelas chuvas e enxurradas, com um saldo de quase mil mortos, centenas de desaparecidos e milhares de pessoas desabrigadas ou desalojadas.

Segundo o secretário estadual e Obras em exercício, Hudson Braga, as obras envolvem recursos de R$ 700 milhões e marcarão o início do plano de recuperação da região.

– São obras diversas que vão desde o chamamento público para a construção de unidades habitacionais até uma série de contenção de encostas e recuperação de pontes – afirmou.

Para Hudson Braga, atrelado à construção de unidades habitacionais haverá um pacote de obras com o objetivo de dotar os terrenos onde serão construídas as unidades de toda a infraestrutura necessária para que os moradores possam viver com dignidade.

– Nós dotaremos as áreas de condições de transporte adequadas, energia, água e esgoto. É um conjunto de realizações que envolvem recursos de R$ 700 milhões – disse.

O secretário em exercício ressaltou que o pacote vai beneficiar os sete municípios atingidos pelas chuvas do início de janeiro. Ele explicou que as obras iniciais serão de contenção de encostas (nos três maiores municípios e que foram os mais atingidos – Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo) e reconstrução de pontes e começarão na próxima segunda-feira.

Braga esclareceu, no entanto, que na verdade os trabalhos já vêm sendo feitos, já que em situações de emergência como a que ocorreu na região, há iniciativas que precedem o início das obras.

– É o levantamento topográfico, a sondagem das áreas, toda uma gama de ações que já vêm sendo feitas desde os dias seguintes à tragédia – afirmou.

Este foi o segundo compromisso oficial da presidenta Dilma Rousseff no Estado. Ela deixou a Base Área de Brasília às 9h, chegando às 10h30 na Base Aérea de Santa Cruz, de onde seguiu para Angra dos Reis. No Estaleiro BrasFels, a presidenta participou da solenidade de batismo da plataforma P-56. Em seguida, retornou à capital, onde almoçou no Palácio Guanabara com o governador Sérgio Cabral.