Desafeto de Garotinho é homenageado na Fiocruz

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 31 de agosto de 2001 as 20:03, por: cdb

A Associação dos Servidores da Fundação Oswaldo Cruz (Asfoc) homenageia hoje pessoas de destaque na defesa dos Direitos Humanos com a Medalha Jorge Carelli. A medalha tem o nome do funcionário da Fiocruz assassinado há oito anos. Os policiais da Divisão Anti-Seqüestro envolvidos no caso foram absolvidos e o corpo de Carelli nunca foi encontrado. Neste ano, o o ex-subsecretário de Segurança Pública do Rio Luiz Eduardo Soares vai receber a medalha, além de servidores e dirigentes da Fiocruz que estiveram mais diretamente envolvidos na apuração do desaparecimento de Careli.

A atuação de Luiz Eduardo será lembrada como decisiva para o reconhecimento da responsabilidade do Estado pelo desaparecimento do funcionário. Também receberá a medalha o ex-secretário municipal de Saúde Sérgio Arouca,que foi presidente da Fiocruz. Durante sua gestão, Arouca foi responsável pela reintegração dos cientistas cassados pela ditadura militar.