Deputado faz balanço da CPI dos Fiscais

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 17 de abril de 2003 as 09:57, por: cdb

O deputado Carlos Minc, do PT, relator da Comissão Parlamentar de Inquérito da Assembléia Legislativa que investiga o desvio de US$ 33,4 milhões para contas na Suíça, fez um balanço dos trabalhos realizados até agora, dando ênfase à prisão preventiva dos fiscais estaduais acusados de envolvimento no caso.

Ao todo, oito fiscais tiveram prisão preventiva decretada, inclusive Rodrigo Silveirinha Corrêa, ex-subsecretário da Fazenda no governo de Anthony Garotinho.

Segundo Minc, a CPI também contribuiu para apressar a vinda dos documentos da Suíça, para demonstrar a roubalheira que acontecia na Junta de Revisão Fiscal e para o desmonte do caso Light, envolvendo pagamento de propinas a fiscais.

Carlos Minc afirmou que 90% dos depósitos dos fiscais estaduais em contas no exterior foram feitos quando eles estavam lotados na Inspetoria de Grande Porte.