Daniele Hypólito é prata na Copa do Mundo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 16 de março de 2003 as 21:34, por: cdb

A ginasta Daniele Hypólito ganhou a medalha de prata nos exercícios de solo, neste domingo, na disputa da primeira etapa da Copa do Mundo, realizada no ginásio de Paris-Bercy, na França. Daniele recebeu dos jurados 9,525 pontos por sua apresentação – perdeu, no critério de desempate, para a espanhola Elena Gomez.

A gaúcha Daiane dos Santos foi quarta no solo, com 9,200 pontos. A medalha de bronze ficou com a romena Floarea Leonilda. As brasileiras viajam hoje para Cottbus (ALE), para a segunda etapa da Copa do Mundo, no fim da semana.

Feliz, Daniele dedicou a medalha “ao povo brasileiro” e agradeceu ao irmão mais velho, Édson, pela ajuda na escolha da música Hurrikane 2000, da banda de rock Scorpions. “É uma emoção grande subir ao pódio numa competição forte como essa. Dedico a medalha ao povo brasileiro, que, com certeza, torce por mim e pela Daiane.”

A música, observou, ajudou muito na apresentação. “A parte de coreografia, principalmente, chama muito a atenção dos árbitros e do público.” Desde a medalha de prata no solo no Mundial de Ghent, Bélgica, em 2001, a ginasta passou a receber mais atenção dos jurados.

Mas Daniele contestou a quarta colocação de Daiane. “Ainda não se acostumaram a ver duas brasileiras no pódio. A Daiane merecia uma nota melhor.” Também o técnico Oleg Ostapenko, da seleção brasileira, entende que Daiane, primeira na classificação de sábado, com uma apresentação impecável, foi prejudicada. “Passei momentos difíceis em 2002 e começar o ano bem, estimula”, disse Daiane, que rompeu o tendão patelar do joelho esquerdo e ficou oito meses afastada das competições.

Na final das barras assimétricas, Daniele foi sétima, com 7,050 pontos. A medalha de ouro foi para a russa Svetlana Khorkina, com 9,550 pontos.