CUT critica contribuição dos inativos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 10 de abril de 2003 as 13:46, por: cdb

O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), João Felício, criticou a proposta de reajuste salarial dos servidores federais apresentada nesta quarta-feira pelo ministro do Planejamento, Guido Mantega. “Ninguém pode aceitar um reajuste de 1%”, disse Felício no intervalo da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, que acontece no Palácio do Planalto.

A proposta de reajuste do governo prevê aumentos salariais que vão variar de 1% a 13,23%. Segundo Felício, a grande esperança dos sindicatos é que o governo construa junto com os trabalhadores uma política salarial sólida para o servidores públicos federais. “A grande esperança são as negociações que darão mais garantia aos trabalhadores dentro de uma política futura de salários”, disse Felício.