Crianças palestinas serão protegidas por medidas adotadas pela ONU

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 7 de novembro de 2003 as 00:33, por: cdb

Uma resolução apresentada pelo Egito pedindo que Israel proteja as crianças palestinas foi adotada na última quinta-feira por uma comissão da Assembléia Geral da ONU, enquanto uma medida similar relativa a crianças israelenses foi adiada para a próxima semana.
 
Israel, alvo de centenas de resoluções das Nações Unidas, apresentou na última terça-feira seu primeiro projeto à assembléia, imitando a medida do Egito.

Diplomatas afirmaram que as chances de aprovação são pequenas. A medida condenaria ataques a crianças israelenses por homens-bomba palestinos.

O projeto de resolução do Egito foi aprovado por 88 votos a 4, mas com 58 abstenções. Estados Unidos, Israel, Micronésia e as Ilhas Marshall votaram contra, enquanto as 15 nações da União Européia e Canadá ficaram entre os que se abstiveram.

O vice-embaixador de Israel na ONU, Arye Mekel, disse que a resolução da comissão olha apenas para um lado da questão, porque ‘nós acreditamos que as crianças do mundo merecem igual proteção, inclusive as palestinas e israelenses’.
 
Representantes palestinos declararam que as crianças na Cisjordânia e em Gaza estão numa categoria especial, pois vivem sob ocupação há 40 anos.