Crianças fazem manisfestação contra trabalho doméstico infantil

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 9 de setembro de 2003 as 21:55, por: cdb

Com cata-ventos coloridos, cerca de 85 crianças de várias partes do País fizeram nesta terça-feira uma manifestação em frente do Congresso Nacional contra o trabalho doméstico infantil. Um problema que, de acordo com IBGE, afeta pelo menos 494 mil menores, com idades entre 5 e 17 anos.

– Os números certamente estão subestimados e mesmo assim, impressionam e mostram a necessidade de adotar medidas urgentes – disse o coordenador de projetos da Organização Internacional do Trabalho (OIT), Renato Mendes.

Depois da manifestação, crianças entregaram ao presidente da Câmara, João Paulo Cunha, uma cópia de propostas feitas por 90 menores de oito Estados para combater o problema.

Entre as sugestões, eles pedem maior apoio às famílias e mais programas de educação e lazer. Uma cópia da Carta de Cartagena, compromisso assinado por 13 países da América Latina para lutar contra o trabalho doméstico infantil também foi entregue aos deputados.

A ministra da Assistência Social, Benedita da Silva, que trabalhou como doméstica quando pequena afirmou: “Perdi parte da minha infância e a oportunidade de estudar.”