Cracolândia do Jacarezinho é alvo de nova operação

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 21 de junho de 2011 as 10:56, por: cdb
As autoridades querem evitar que o consumo da droga no Rio vire uma epidemia

A Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) do Rio realizou nova operação para a retirada de população de rua da cracolândia do Jacarezinho, na Zona Norte da cidade, na manhã desta terça-feira.

Com o apoio da Delegacia de Proteção a Criança e Adolescentes (DPCA), 3º BPM (Méier) e Guarda Municipal foram retirados no total, 28 adultos e três crianças e adolescentes.

Em menos de três meses, esta foi a 6ª operação realizada em parceria com as polícias no Jacarezinho e os números já apresentam uma redução de 70%. Na primeira operação (06/05), o número de pessoas retiradas da cracolândia foi de 87 e nas operações subsequentes foram de 101 (12/05), 76 (25/05), 69 (03/06) e 34 (08/06).

No caso das crianças e dos adolescentes, um dos motivos foi a implantação, por parte da SMAS, do novo Protocolo de Abordagem Social, que prevê abrigamento compulsório para aqueles menores identificados com alto grau de dependência química. De 16 crianças acolhidas na primeira operação realizada com a adoção do novo modelo (3), o número reduziu para três.

– É um trabalho de insistência que vamos continuar realizando, porque os resultados provam que estamos no caminho certo. Estamos conseguindo reverter a situação de degradação da comunidade. Sabemos que não vamos acabar com o consumo de crack na cidade, mas queremos evitar que o consumo no Rio vire uma epidemia –, avaliou o secretário Rodrigo Bethlem.

Após o processo de identificação na polícia, as crianças e os adultos serão encaminhados aos abrigos da rede socioassistencial do município. Foi a 15ª operação da SMAS em conjunto com as polícias desde o dia 31 de março. Participaram da operação desta terça-feira no Jacarezinho, 30 profissionais da SMAS, 30 do 3º BPM, 13 da DPCA e 19 Guardas Municipais.