CPI do banestado ouve o diretor-executivo do HSBC na quarta

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 1 de setembro de 2003 as 18:59, por: cdb

O diretor-executivo do HSBC, Hélio Ribeiro Duarte, será ouvido nesta quarta-feira pela CPI do Banestado, no Plenarinho da Assembléia Legislativa do Paraná. Duarte estará acompanhado do ex-funcionário do HSBC, Wagner Cimino, que atuou na área de privatizações do banco CCF Brasil. A CPI quer investigar a avaliação do Banestado, realizada pelo banco CCF Brasil, que no momento faz parte do grupo HSBC.

Está programado também o depoimento do diretor da Fator Projetos e Assessoria Ltda, Venilton Tadini. A sociedade participou do consórcio responsável pela privatização do Banestado.

De acordo com o presidente da CPI, deputado Neivo Beraldin, o tema é bastante polêmico e, pelos levantamentos realizados até agora, há indícios de que o banco teve seu valor de venda subfaturado. Se confirmado o subfaturamento, a intenção da comissão é propor a anulação do processo de venda do Banestado para o banco Itaú.