Comissão vai votar destaque para decidir sobre consumo de álcool na Copa

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 28 de fevereiro de 2012 as 14:32, por: cdb

O relator da Lei Geral da Copa (PL 2330/11), deputado Vicente Candido (PT-SP), está fazendo alterações no relatório para tentar chegar a um texto de consenso na comissão especial que analisa a proposta. Apesar disso, já há um destaque, que será votado separadamente, para retirar a permissão de venda de bebidas alcoólicas durante jogos da Copa do Mundo. A autora do destaque, deputada Carmem Zanotto (PPS-SC), disse que a liberação vai contra as conquistas do Brasil no combate ao abuso do consumo de álcool.

A última versão do relatório libera a venda de cerveja em copos plásticos em todo o estádio, e qualquer tipo de bebida nas áreas VIPs, somente nos jogos da Copa. Um dos maiores patrocinadores do evento é uma cervejaria. “É uma condição excepcional, em que a segurança é reforçada, e foi uma sensibilidade do relator não estender a permissão aos campeonatos nacionais”, disse o deputado Afonso Hamm (PP-RS), que defende a liberação.

Já o deputado Wanderlei Macris (PSDB-SP) frisou que o Estatuto do Torcedor (Lei 10.671/03), que proíbe a venda de bebidas alcoólicas em estádios, diminuiu a violência entre os torcedores. “Se a comissão aprovar essa liberação, ainda iremos a Plenário lutar contra essa medida, que é equivocada”, disse.

O presidente da comissão especial, deputado Renan Filho (PMDB-AL), disse que a intenção é votar ainda hoje o relatório final. No entanto, caso seja iniciada a Ordem do Dia do Plenário, a votação será transferida para amanhã.

Assista a reunião ao vivo pela WebCâmara.

Continue acompanhando esta cobertura.

Tempo real:15:21 – Procuradores pedem proibição de bebidas alcoólicas durante a Copa11:23 – Comissão especial discute hoje projeto da Lei Geral da CopaReportagem – Marcello Larcher
Edição – Daniella Cronemberger