Comércio lojista do Rio vendeu mais 16,4% em janeiro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 2 de março de 2010 as 13:29, por: cdb

Depois de um mês de dezembro de boas vendas e do melhor Natal dos últimos anos, o comércio lojista da Cidade do Rio de Janeiro vendeu mais 16,4% em janeiro, em relação ao mesmo mês de 2009, de acordo com a pesquisa Termômetro de Vendas divulgada mensalmente pelo Centro de Estudos do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro – CDL-Rio, que abrange cerca de 750 estabelecimentos comerciais da Cidade. Em comparação com o mês anterior (dezembro), o índice foi de -44,1%.

A pesquisa mostra ainda que os indicadores do mês de outubro foram puxados pelo crescimento das vendas do comércio varejista especializado nos segmentos de Eletrodoméstico (17,9%), Móveis (15,2%), Confecções e Moda Infantil (12,7%), Tecidos (7,5%), Calçados (6,3%), Óticas (5,2%) e Jóias (1,4%).

Segundo a pesquisa, o Ramo Duro (bens duráveis) teve um desempenho melhor do que o Ramo Mole (bens não duráveis): 17,7% contra 12%. Quanto à forma de pagamento a venda a prazo foi a preferida pelos consumidores: 18,3% contra 14,4% da venda à vista.

Em relação as vendas conforme a localização dos estabelecimentos comerciais, a pesquisa mostrou que no Ramo Mole, a Zona Norte vendeu +13,1%, seguida pela Zona Sul com +12,0% e pelo Centro com +9,3%. No Ramo Duro, o Centro com +21,0% esteve em melhor posição, seguido pela Zona Norte com +20,3%, e pela Zona Sul, com +9,5%.

A pesquisa mostra também que o Serviço de Proteção ao Crédito do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro – CDL-Rio, registrou em janeiro em relação ao mesmo mês de 2009 um aumento de 0,4% na inadimplência, 7,3% nas dívidas quitadas e 0,3% no número de consultas (item que indica o movimento do comércio). No acumulado dos últimos doze meses (fevereiro/2009 a janeiro/2010) em relação ao mesmo período do ano passado, a inadimplência e as dívidas quitadas cresceram, respectivamente, 2,1% e 3% e as consultas caíram 5,9%.

Segundo o registro do cadastro do LIG Cheque da entidade, em janeiro, em relação ao mesmo mês de 2009, a inadimplência e as dívidas quitadas cresceram, respectivamente, 0,4% e 5,6% e as consultas diminuíram 2,8%. No acumulado dos últimos doze meses (fevereiro/2009 a janeiro/2010) em relação ao ano passado, a inadimplência, as dívidas quitadas e as consultas aumentaram, respectivamente, 1,8%, 3,7% e 0,6%.