Começa nesta segunda-feira o Rio Fashion Week

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 7 de julho de 2003 as 18:31, por: cdb

A terceira edição do Rio Fashion Week, que começa nesta segunda-feira no Museu de Arte Moderna, conseguiu dobrar em um ano o número de participantes do maior evento de moda da capital carioca.

O evento, que teve início há 3 anos com a vocação de ser uma vitrine fashion no Rio de Janeiro, é sucessor da Semana de Moda que foi realizada durante 13 anos na cidade. E, para a coordenadora Eloisa Simão, a maratona carioca chega este ano a sua “maturidade”.

– Apesar do momento de crise econômica e das dramáticas notícias financeiras, o Rio Fashion Week teve um saldo de 100 por cento de sucesso – explicou Simão durante uma apresentação do evento.

Nesta edição, a semana carioca teve 150 empresas inscritas, em comparação com 70 companhias em 2002. Serão 25 desfiles de 29 grifes que vão mostrar suas coleções primavera-verão 2004.

Cem modelos atravessarão as passarelas trajando roupas de estilistas locais e dos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia, além de outros países da América do Sul.

Maria Bonita Extra, Blue Man, TNG e Totem são algumas das marcas que vão desfilar até o dia 11 de julho.

– Não é o evento da moda carioca, mas sim o evento da moda brasileira no Rio de Janeiro – disse Paulo Escafi, presidente da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e da Confecção (Abit), uma das instituições que apóiam o evento.

Mas o crescimento acentuado de empresas participando do Rio Fashion Week não deverá se repetir nos próximos anos, já que o objetivo do evento é ser “uma mostra qualitativa de moda, não quantitativa”, segundo Simão, confirmando que o mesmo padrão será usado para os desfiles, que poderão chegar a 36 no máximo.

O Rio Fashion Week terá, além dos desfiles, uma feira de moda de 6.000 metros quadrados para que os participantes exibam seus produtos – vestuários, tecidos, acessórios e jóias, entre outros – a 250 compradores credenciados.

A organização espera um movimento de cerca de 190 milhões de reais em vendas diretas e 20 mil visitantes durante os cinco dias da mostra. O orçamento total do Rio Fashion Week ficou em cerca de 6,5 milhões de reais e foram gerados 3.500 empregos, disse Simão.