Comdex 2001 pretende gerar US$ 1,4 bi em negócios

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 28 de agosto de 2001 as 17:00, por: cdb

Um volume de negócios em torno dos US$ 1,4 bi. Esta é a expectativa dos organizadores da maior feira latino-americana de Tecnologia da Informação para a edição 2001 do evento que está sendo realizado até o final desta semana.

Segundo Patrícia Morgado Silva, diretora do evento Comdex/Sucesu, a retração da economia e a crise de energia não devem mudar muito a previsão existente de volume de negócios gerados durante o evento. “Não vamos ter um número recorde de negócios, mas a expectativa é que continuemos com a taxa de 8% a 10% da receita de TI brasileira que, ano passado, ficou em torno dos US$ 15 bilhões”, afirma.

A executiva confirmou, no entanto, a retração em relação ao ano anterior, que teve um volume de negócios de US$ 1,8 bilhão gerados pelo evento do ano passado. Segundo a diretora, o público também diminuiu de 180 mil para 110 mil, porém, com um um nível maior de qualificação dos participantes.

Para o diretor-superintendente da Guazelli Feiras, Peter Thomaschewski, o mais importante foi a superação dos atuais problemas econômicos do País como a alta do dólar e a crise de energia: “As pessoas nos perguntaram muitas vezes se continuaríamos apostando nos eventos mesmo com o apagão e nós mostramos que conseguimos superar este desafio”.