Com cálculo de penas, julgamento do mensalão deve terminar somente em novembro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 24 de outubro de 2012 as 17:47, por: cdb

Heloisa Cristaldo
Repórter da Agência Brasil

Brasília – O Supremo Tribunal Federal (STF) deve concluir o julgamento da Ação Penal 470, o processo do mensalão, apenas em novembro. Previsto para terminar ainda esta semana pelo ministro-relator Joaquim Barbosa, a Corte tem enfrentado dificuldade para concluir a etapa de cálculo das penas dos réus, a chamada dosimetria.  No momento, os ministros avaliam as penas dos crimes relacionados ao publicitário Marcos Valério, cuja penalidade parcial já alcança mais de 20 anos de prisão.

O decano Celso de Mello já havia afirmado que a Corte deve interromper o julgamento durante a viagem de Barbosa para tratamento de saúde na Alemanha, e finalizar apenas após o retorno do magistrado, no dia 5 de novembro. No intervalo da sessão de hoje (24), o presidente da Corte, Carlos Ayres Britto, reforçou o entendimento do decano.

“Se não der para terminar, não há problema. Porque a segurança não pode ser comprometida. O debate acalorado é saudável. O julgamento será interrompido com a viagem do ministro Joaquim Barbosa. Quando o ministro voltar, a gente retoma o julgamento”, disse Ayres Britto.

Para o presidente da Corte, o julgamento está “correndo muito bem”. “Nada de acelerar, porque essa é uma parte importantíssima do julgamento. Devemos marchar com absoluta segurança”, completou.

Edição: Carolina Pimentel