Cinquenta projetos nas áreas de saúde, educação e segurança sairão do papel até dezembro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 13 de março de 2012 as 08:26, por: cdb
obras
Projeto da escola modulada

Este ano, a Empresa de Obras Públicas do Rio (Emop) vai bater recorde à frente de mais de 50 projetos pioneiros nas áreas da saúde, educação e segurança. Obras importantes, como a do Centro de Diagnóstico por Imagem de Niterói, do Hospital do Cérebro e de novas escolas, sairão do papel até dezembro. O complexo de segurança, que inclui a sede provisória do Bope, o Centro de Comando e Controle e a Cidade da Polícia, também será entregue à população em 2012.

– O ano será de muito trabalho e grandes desafios. Faremos obras em diversas áreas, além de melhorias que vão contribuir para o brilhantismo dos eventos esportivos mais importantes do mundo: a Copa de 2014 e os Jogos de 2016 – disse o presidente da Emop, Ícaro Moreno.

Com o objetivo de aumentar a qualidade dos serviços de saúde,o Estado investe, nos próximos meses, na construção de unidades hospitalares especializadas em neurologia, cardiologia, traumas e queimaduras; na ampliação do Azevedo Lima, em Niterói, na construção do novo Rocha Faria, em Campo Grande, do anexo do Albert Schweitzer, em Realengo; e de 50 clínicas da saúde, com 362 metros quadrados, consultórios, odontologia, farmácia e salas de curativos e imunização.

O Estado também investe na expansão e modernização da infraestrutura da rede estadual de ensino com a construção de escolas moduladas. Quatro unidades serão construídas nos municípios de Queimados, Teresópolis, Belford Roxo e São Gonçalo.

Complexo de Segurança é uma das prioridades do governo
Até junho, o Centro Integrado de Comando e Controle, orçado em R$ 45 milhões, abrigará as novidades tecnológicas

das forças policiais na Praça Onze, no Centro. Ainda este ano, parte da tropa do Bope vai ocupar instalações provisórias, construídas no antigo 24º Batalhão de Infantaria Blindada do Exército, em Ramos, na Zona Norte.A Cidade da Polícia, no bairro do Jacaré, está sendo erguida para treinamento de três mil policiais de 32 delegacias especializadas. Serão investidos R$ 40 milhões no projeto.

– Um dos pontos principais do Plano Estratégico do Estado é o reforço do setor de obras públicas, com intervenções
que proporcionem qualidade de vida e redução das desigualdades, caminho para o desenvolvimento acompanhado da paz social – disse Ícaro Moreno.