Cinco líderes da oposição são liberados por generais de Mianmar

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 24 de novembro de 2003 as 03:26, por: cdb

O governo militar de Mianmar libertou cinco líderes da Liga Nacional para a Democracia de Aung San Suu Kyi, disseram membros do partido nesta segunda-feira.

Os cinco, todos membros do comitê central da Liga Nacional para a Democracia, estavam em prisão domiciliar desde os confrontos sangrentos entre apoiadores da líder da oposição de Mianmar, Suu Kyi, e defensores do governo em 30 de maio.

Os funcionários do governo disseram que Than Tun, de 82 anos, Nyunt Wai, 81, Soe Myint, 80 e Hla Pe, 77, foram libertados no fim de semana. Lun Tin, de 82, saiu da prisão na manhã desta segunda-feira.

Suu Kyi  está detida em local não revelado – para sua própria proteção, dizem os generais, – depois da violência de 30 de maio até que foi levada para um hospital onde foi operada em setembro. A líder da oposição está em prisão domiciliar.