Cientista político afirma que PT e PSDB são os partidos vitoriosos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 4 de outubro de 2004 as 16:37, por: cdb

O resultado das eleições realizadas neste domingo confirmam a existência de “dois grandes partidos vitoriosos”: o PT e o PSDB. A avaliação é do cientista político Ricardo Caldas. Para ele, a eleição deixou claro que o “PT é o maior partido governista hoje” e o “PSDB, o maior representante oposicionista”.

Na avaliação de Ricardo Caldas, o desempenho do governo federal influenciou o voto do eleitor.

– O atual momento deste governo influenciou várias candidaturas. Percebia que os candidatos estavam muito mal colocados no início do ano, derrapando no quarto e terceiro lugares. A partir de meados de 2004, quando a luta política realmente se acirrou, inclusive com a entrada da questão da televisão em vários municípios, candidatos petistas começaram a decolar e muitos chegaram à vitória no primeiro turno – observou Caldas, que deu entrevista ao canal Nbr nesta segunda-feira.

O cientista político vê também a relação entre o financimento das campanhas eleitorais e o resultado das urnas.

– Quem teve os melhores resultados foram os partidos de candidatos que receberam os melhores financiamentos para a campanha, os melhores acessos a recursos públicos ou doações e conseguiram montar um apoio em tecnologia e marketing mais eficaz.

Segundo ele, impressionou a qualidade da campanha de alguns candidatos no interior do país.

– Em cidades com 20 mil habitantes, vi ilhas de televisão e assessores de marketing contratados. Vamos dizer assim, os ‘Duda Mendonça’ locais. Isso, por um lado, é bom porque mostra um nacionalismo. Porém, por outro lado, encareceu muito as campanhas – constatou.

O cientista ainda elogiou o trabalho do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nas eleições.

– Sobre a apuração, o nível das eleições foi uma coisa de primeiro mundo. Não devemos nada a ninguém.