Cidade participa de Conferência dos Direitos da Criança

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 14 de março de 2012 as 12:59, por: cdb
  • Publicação: 14/03/2012 – 15:54h
  • Redatores: Adriana Panzini
  • Release N.º: 498
  • Indaiatuba está participando da IX Conferência Regional dos Direitos Humanos das Crianças e de Adolescentes que acontece até esta quarta-feira (14), em Serra Negra, reunindo jovens e adultos de 25 municípios da região de Campinas. O objetivo é mobilizar os diversos atores do Sistema de Garantia de Direitos e a população em geral para implementar e monitorar a Política Nacional e o Plano Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes. Representam o município dois jovens que fazem parte do projeto “Educando para a Vida”, da Secretaria Municipal de Defesa e Cidadania, e foram eleitos delegados por Indaiatuba na Conferência Municipal dos Direitos Humanos das Crianças e Adolescentes: Caroline Oliveira e Bruno Alberto Steininger.

    “O melhor é ver a disposição de jovens entre 15 e 17 anos em debater as questões pertinentes aos cinco eixos que compõem os direitos”, ressalta Paulo Cesar Feijão, coordenador de área da Secretaria Municipal da Defesa e Cidadania. “Ontem os delegados todos discutiram com grande motivação e empenho das 14h às 20h, fizeram articulações, marcaram destaques na leitura do regimento interno, enfim, demonstraram que realmente têm interesse em chegar a bons resultados”, diz. Os eixos são Promoção dos Direitos das Crianças e Adolescentes, Proteção e Defesa dos Direitos, Controle Social da Efetivação dos Direitos, Gestão de Políticas Nacionais dos Direitos e Protagonismo e Participação de Crianças e Adolescentes, este último escolhido por Caroline e Bruno para os grupos de debate.

    Neste evento, também serão eleitos os jovens delegados que participarão posteriormente da Conferência Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente, em data ainda a confirmar. A realização das conferências municipais, regionais e estaduais fazem parte do processo de construção coletiva para a consolidação da IX Conferência Nacional, com três focos: mobilização, implementação e monitoramento da Política Nacional e do Plano Decenal.

    Sobre o projeto Educando para a Vida

    O projeto “Educando para a Vida” da Secretaria Municipal da Defesa e Cidadania atende jovens de 6 a 17 anos com atividades sócio-educativas. Os integrantes fazem parte da Guarda Mirim e passam por cursos de formação como de Bombeiros Mirins, Trânsito, Defesa Civil, Rádio Amador, entre outros. Eles também são promovidos seguindo as patentes da Guarda Municipal.

    #