Chuva chega ao Distrito Federal, após mais de três meses de seca

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 26 de setembro de 2011 as 06:29, por: cdb
A chuva deve ajudar a amenizar o calor na capital do país

O Distrito Federal amanheceu nesta segunda-feira com chuva, depois de mais de três meses de seca. A previsão para toda a Região Centro-Oeste é tempo nublado com pancadas de chuva isoladas, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Em Brasília, a umidade relativa do ar pode chegar a 95% – até então, os índices alcançaram a faixa abaixo dos 20%, valor considerado de risco para a população, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

A chuva também deve ajudar a amenizar o calor na capital. Dados do Inmet indicam que as temperaturas já registram leve queda, com a máxima prevista de 26º graus Celsius (ºC) e a mínima, de 17ºC.

Mas, a chuva preocupa os moradores de dez regiões da capital federal. De acordo com levamentamento da Defesa Civil, cerca de duas mil pessoas estão em situação de risco de desabamentos em razão das chuvas.

O estudo mostra que a situação é preocupante no Itapoã; em Sobradinho I e II; Varjão; Núcleo Bandeirante; Ceilândia; Vicente Pires; Recanto das Emas; Samambaia e Riacho Fundo. Em Sobradinho II, há muitas casas construídas em encostas e barrancos. Segundo a Secretaria de Defesa Civil do DF, o risco de acidentes é alto.

De acordo com o Inmet, a chuva ainda está fraca, mas tende a ficar mais forte a partir da primeira quinzena de outubro.