Cesta básica sobe 2,10% no primeiro mês do ano no Rio

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010 as 12:44, por: cdb

A cesta básica da Cidade do Rio de Janeiro – que equivale ao consumo médio de todas as famílias residentes no município – fechou em alta no primeiro mês de 2010. Segundo pesquisa da Fecomércio-RJ, a Cesta encareceu 2,10%, passando de R$ 385,87 em dezembro para R$ 393,97 em janeiro. Em dezembro, o custo da cesta havia registrado queda de 3,18%.

Dos 39 itens que compõem a cesta, a cenoura foi o produto que apurou o maior aumento (17,91%) no primeiro mês do ano. Em seguida estão a laranja pera (12,67%), o ovo de galinha (9,16%) e a batata (8,52%). Em contrapartida, o preço da cebola registrou o maior recuo do período (-17,51), seguido pelo sabão em barra (-6,47%) e pelo tomate (-4,92%).

O impacto do aumento nos gastos foi sentido tanto pelas famílias que recebem até 8 salários mínimos quanto por aquelas que recebem acima dessa faixa de rendimento, que contabilizaram gastos 2,17% e 2,05% maiores, respectivamente.

Na análise semanal o custo da cesta básica subiu 0,44%. Nos últimos 12 meses, o indicador acumulou retração de 2,05%. A pesquisa Cesta de Compras da Cidade do Rio de Janeiro reflete as variações de 6.680 preços, coletados em 200 locais, referentes a 39 itens (32 de alimentação, 4 de higiene e 3 de limpeza), de maior peso no orçamento, consumidos por famílias de dez diferentes faixas de renda.