César Maia diz que governo prepara massacre contra Garotinho

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 12 de abril de 2002 as 16:30, por: cdb

O prefeito do Rio de Janeiro, César Maia (PFL), disse hoje ter informações de que o governo federal prepara um verdadeiro massacre contra o ex-governador do Rio, Anthony Garotinho (PSB). O objetivo, segundo Maia, é o de tirar Garotinho da disputa presidencial. “Garotinho é agora a bola da vez. O governo vai ligar suas baterias e acionar sua KGB contra o Garotinho”, afirmou Maia, acrescentando que já avisou Garotinho do assunto.

Para o prefeito do Rio de Janeiro, o objetivo do governo é “eliminar” todos os adversários do candidato do governo, José Serra (PSDB). “Estão querendo eliminar os adversários para nomear o presidente da República”, disse Maia. Na opinião do prefeito do Rio, o processo eleitoral está sendo manipulado. “Não há dúvidas. Tudo é artificial e foi manipulado”, declarou ele, referindo-se as denúncias que envolvem a pré-candidata do PFL à presidência, a ex-governadora Roseana Sarney.

Segundo César Maia, a candidatura de Serra é inviável e não deverá decolar. “O PFL inteiro tem essa opinião. Mesmo quem defende a aproximação com o governo (como é o caso de Jaime Lerner, governador do Paraná) eu duvido que tenha fé na candidatura do Serra”. Maia participou hoje de uma reunião com o presidente nacional do PFL, senador Jorge Bornhausen, e com os ex-ministros Roberto Brant e José Jorge